quinta-feira, 31 de maio de 2007

Atividade Final

Dados de Identificação: Adriane Schmidt de Souza, Ligiane Reginatto, Vera Lucia Selister Gomes , Maria Otília e Mara Cecília.
Introdução: Toufee é um editor e através dele podemos realizar e publicar apresentações e filmes flasch online. Ele não é um programa e sim um editor, portanto não precisamos fazer download. Há em suas ferramentas centenas de efeitos que podem ser usados em nossas produções. Também pode-se insirir imagens do Flickr e os vídeos do Youtube com um clique só.
Desenvolvimento: Inicialmente buscamos saber o que era o Toufee, sua formatação e maneiras que poderiamos utilizá-lo. Partimos em busca do desvendar do site: http://www.toufee.com . Percebemos que para qualquer utilização primeiramente teríamos que nos cadastrar. Assim o fizemos e começamos a explorar tentando realizar a produção de um vídeo. Paralelamente a isso, realizamos as postagens que podem ser vistas em nosso Blog colaborativo: http://blogcolaborativog10proa17a.blogspot.com/ . O estudo realizado está fundamentado conforme postagem da colega Vera na Teoria do Construtivismo e grande é o desafio de construirmos um trabalho assim. Metodologia nova, formato novo, conhecimentos que devem ser buscados de forma individual, sistematizados e socializados. Tudo novo! Com este trabalho, mudamos nossa maneira de ser, de entender, mudando também os paradigmas que pautavam nossa vida. Para que essa mudança aconteça devemos ser um pouco pioneiros e desbravadores. Hora nos sentindo impotentes, hora muito satisfeitos com os conhecimentos adquiridos e aplicados. Segundo Jorge Santos Martins, educadores que buscam a mudança "...são "iluminados", pois são guiados por forças superiores que lhes dão a coragem de desafiar situações complicadas e não temem enfrentar problemas. São detentores de uma visão prosectiva de futuro, são impulsionados pelo desejo de romper barreiras e pela vontade de pôr em ação a metodologia do "fazer diferente", do "a aprender a conhecer", do "aprender como fazer" e do "aprender a ser pelo conviver".
Tudo o que aqui foi contruído, ainda não é, e nem deve ser um produto final, mas um ponto de partida. Partida essa que só pode vir a melhorar o quadro educacional que se instaura em nosso país! Aproximar-nos das mídias, da tecnologia, do lazer e do prazer com objetivos claros, fará-nos verdadeiros educadores com o compromisso de ser agentes de transformação social, sempre procurando o melhor caminho para vencer o desafio de mudar e facilitar o crescimento integral de nossos alunos, contribuindo desta forma para que as gerações possam usufruir uma existência mais digna agora e no futuro.
Qual será nosso papel principal diante de toda essa mudança? Deverá ser o de orientar nossos alunos na busca dos caminhos e a produzir o seu conhecimento, dentro do seu contexto próprio, partindo do que já sabem. De acordo com Paulo Freire,: " A pedagogia da pergunta deve substituir a pedagogia das certezas, dos saberes pré-pensados, das verdades definitivas". Com essa metodologia superamos as práticas habituais e tornamos o ensino mais dinâmico e diversificado pelo relacionamento interdisciplinar, assumindo a postura do aprender a aprender e do aprender a pensar.
Tanto nossa investigação no Blog Colaborativo como os Blogs Colaborativos dos colegas, nos remetem para longe da prática tradicional e ultrapassada . Muda dessa forma o trabalho do professor, seu papel e também muda radicalmente o papel do aluno que passa a ser agente que constroi o seu conhecimento. Como falamos na postagem acima relações de cooperação devem pautar o trabalho.
Também relacionamos muito o nosso trabalho , bem como o dos demais colegas, a idéia preconizada por Piaget - situação-problema, onde buscamos de forma incansável a solução da mesma gerando aprendizagens que nem sempre são únicas.
Conclusão: Através das leituras, consulta a sites, indicações de professores e colegas chegamos a um aprendizado especial. Domimanos muito e precisamos ainda dominar mais, mas isso não nos impede de seguirmos adiante e de aplicarmos em nossa prática tudo o que vimos e construimos. Mostrando-nos humildes e não como "Senhores Onipotenes" conseguiremos construir lado a lado com o nosso educando um caminho diferente e melhor. Sem jamais esquecer que aquilo que realmente traz resultado é feito com AMOR, PACIÊNCIA e DEDICAÇÃO. Receitas que na visão do grupo são imprescindíveis e essenciais em nossa caminhada atual e futura.
Gostaríamos de concluir o nosso trabalho com um pensamento de Augusto Cury:
"Um educador não é um ser humano perfeito, mas alguém que tem serenidade para se esvaziar e sensibilidade para aprender".

6 comentários:

Verablog disse...

Colegas! Estive visitando o blog de vocês, apesar da hora avançada,
afinal, trabalhos com tanta dedicação, animam ao serem vistos.
Sucesso no texto final! Que este estudo venha propocionar a todos nós uma acumulação de experiências que possam ser uteis na nossa tarefa de educadoras. Abraços Vera Frantz

Adriane Schmidt de Souza disse...

Colegas, a Maria Otília respondeu ao convite e já está como administradora. Mas temos muito para fazer neste final de semana além de estarmos atrasadas com a análise da semana, no tutorial ainda teremos que terminar a versão final de nosso trabalho e definir o trabalho da última semana. Tudo isso até o dia 04/06. É muito chão só para uma atividade. Mas vamos lá!

Roselene disse...

Olá Colegas! Gostei muito em saber que o que vocês estão pesquisando era uma curiosidade que eu tinha. Sei agora que aqui vou buscar informações, com mais tempo, sobre esse formato de flash de apresentação. Tudo de bom. Abraço.

Su disse...

Olá grupo

Creio que esta é a versão incial do trabalho. Seria interessante ampliá-la detalhando mais o tema. Por exemplo: o que é uma animação em flash? Como elas funcionam, o que é necessário para visualizá-las?

...

Para facilitar a localização das atividades, coloquem junto ao título: proa17/17, proa17/18 ...

Em relação as retardatárias. Este grupo já recebeu uma nova chance de cumprir as atividades. Não esperem as colegas que não aderiram mesmo depois deste novo prazo.
abraço!

Su disse...

Oi Grupo

Retornei ao blog e vejo que não avançaram na postagem de uma versão final. Uma pena, pois a versão inicial (esta que comento) tem uma boa base para dar continuidade ao trabalho.

Faltaram o tutorial mais elaborado, o detalhamento de propostas pedagógicas de uso, os exemplos.

abraço!

Adriane Schmidt de Souza disse...

Prof. Su
Mudamos a versão inicial do trabalho aperfeiçoando-o e inclusive acrescentando toda a fundamentação teórica que inicialmente não havia bem como a conclusão que na semana passada somente constava como Conclusão. Alterei isto ontem a tarde e também fiz modificações na construção do grupo. Talvez deveria ter colocado em uma nova postagem. Reveja se possível. Achei que deveríamos fazer isso.
Também consegui finalmente entrar em contato com a Mara através do MSN e criado um novo email renovei o convite e agora ela é administradora. A primeira versão final de nosso trabalho era bastante pessoal e não havia muita fundamentação.